Com apenas 2 minutos,
você pode nos ajudar
a combater a desinformação

Nas últimas semanas, campanhas e notas estão sendo enviadas para a imprensa em todo o mundo e encontrando espaço em manchetes de diversas publicações, assustando jornalistas e fumantes com a afirmação, SEM EVIDÊNCIAS CIENTÍFICAS, que vapers e fumantes têm maior probabilidade de se infectarem gravemente pelo vírus SARS-CoV-2, o novo Coronavírus.

Para combater essa nova campanha de desinformação, o professor Josep María Ramón Torrell, professor de medicina preventiva e chefe no Hospital Bellvitge e membro da Plataforma Espanhola de Redução de Danos do Tabagismo, pediu nossa colaboração para coletar dados para uma pesquisa preliminar em colaboração com a Universidade de Barcelona, ​​o Centro Internacional de Vacinação do Hospital de Bellvitge e a Universidade de Milão.

Como obviamente nem todos os vapers foram testados para COVID-19, podemos confiar apenas nos sintomas nesse grupo populacional para obter uma possível relação entre vaping e infecção por SARS-CoV-2. Portanto, as conclusões desses dados serão sólidas apenas na medida em que o tamanho da amostra for o maior possível. Nesse sentido, pedimos a todos os nossos membros, seguidores em redes sociais e simpatizantes que colaborem na conclusão da pesquisa.

A pesquisa levará apenas 2 minutos do seu tempo para ser concluída. Pedimos a sua máxima cooperação para concluir e disseminá-la para seus familiares, amigos, clientes e conhecidos.

Muito obrigado por colaborar e divulgar esta pesquisa!